As 4 Principais Causas do Vazamento de Óleo e O Que Fazer

Foi multado? Não fique sem dirigir! Descubra agora como não perder a CNH: Clique aqui para ter uma CONSULTA GRATUITA com o Doutor Multas.

vazamento de oleo como saber se esta vazando

Um vazamento de óleo é sempre motivo de preocupação.

Afinal, esse pode ser tanto um sintoma inofensivo como um sinal de problema grave.

Como nem todo mundo que dirige entende de mecânica, o melhor a fazer é buscar informação.

E é isso que você vai encontrar neste artigo.

Foi multado? Baixe Grátis o PDF Exclusivo de Como Recorrer sua Multa de Trânsito!

Não dá para correr o risco de estragar uma viagem de carro devido a uma pane geral que começou com um pequeno vazamento.

E tudo ainda fica pior se a pane o fizer parar em uma rodovia, pois isso ainda vai render uma multa grave, 5 pontos na carteira e muita dor de cabeça.

Claro que sempre dá para recorrer da infração, mas por que dar chance para o azar, não é mesmo?

Ao longo do texto, você vai saber quais são as principais causas de vazamento de óleo do motor e o que isso pode causar ao motor do seu carro.

Também verá os cuidados que cabem a você para que nada de errado aconteça.

Vai descobrir que ficar atento e inspecionar o veículo com frequência é a melhor dica.

Afinal, se houver óleo vazando pelo carter, por exemplo, é possível identificar o problema de maneira precoce.

Você também vai conferir quais comportamentos do proprietário podem resultar no vazamento, como colocar óleo a mais no motor.

A verdade é que com carro vazando óleo não se brinca.

Empurrar o problema para baixo do tapete e tirá-lo do seu campo de visão pode ser uma conduta de risco.

Um vazamento que começa pequeno pode indicar algo muito maior, comprometendo a dirigibilidade do veículo e a sua própria segurança.

Não dá para dar esse mole, não é mesmo?

Então, o conhecimento que vai adquirir a partir de agora é fundamental para fazer a sua parte por um trânsito mais seguro.

Interessado em aprender mais sobre o vazamento de óleo, suas causas e consequências?

Então, siga a leitura!

 

O Que é Vazamento de Óleo do Motor

vazamento de oleo o que e
Se o óleo está vazando, algo não está indo bem com o veículo!

O vazamento de óleo do motor significa que tem alguma coisa errada com o funcionamento do seu veículo.

Em outras palavras, qualquer vazamento em um carro não é uma coisa normal.

O vazamento de óleo, principalmente, é um problema que afeta diretamente a “saúde” do motor.

Quando ocorrer um vazamento desse tipo, você precisará investigar a causa e resolver o problema o mais rápido possível.

Mas, antes, você sabe qual é a importância do óleo para o motor do seu veículo?

De acordo com essa reportagem do site G1, o óleo tem como funções a refrigeração do motor, lubrificação e prevenção à corrosão e limpeza interna.

Como é possível facilmente perceber, o óleo é muito essencial para o motor do carro não lhe deixar na mão.

Você pode estar se perguntando: quais os prejuízos que a falta de óleo pode causar no seu carro?

Se faltar óleo, a lubrificação das partes internas do motor estará seriamente prejudicada.

E se o desgaste for muito grande, é possível até mesmo que o motor tenha que ser substituído.

Veja só: o vazamento do óleo também pode prejudicar partes do motor que são feitas de borracha.

Podemos citar como exemplos as mangueiras e as buchas da suspensão.

Use o óleo do motor na medida certa para que as partes de borracha não fiquem ressecadas e tenham que ser trocadas antes do tempo.

Por Que O Vazamento De Óleo Ocorre

Sabe por que o vazamento de óleo ocorre?

Uma das razões é o desgaste natural das peças do motor do carro.

Com o passar do tempo, até mesmo os carros com pouca quilometragem e que têm boa manutenção também precisam substituir peças.

Se você utiliza muito o carro, é mais provável que um problema como o vazamento de óleo venha a ocorrer.

De acordo com o site Terra, o óleo do veículo pode baixar até mesmo um litro após cerca de mil quilômetros rodados.

Se isso acontecer, a consequência é óbvia: o motorista deve completar o nível do óleo antes do prazo para a troca.

Não importa que a tecnologia automobilística tenha evoluído bastante nas últimas décadas, o motor ainda consome óleo e isso afeta constantemente o nível do reservatório.

Sendo que carros mais antigos costumam consumir mais óleo.

O óleo lubrifica as peças do motor (cilindros e pistões, por exemplo) e o resultado é o melhor deslocamento dela e o menor consumo de combustível.

E sabemos que a gasolina está com o preço muito alto em todos os estados do Brasil.

Ou seja, qualquer economia é muito bem vinda.

Como você pode ver, o óleo proporciona inúmeros benefícios para o funcionamento do veículo.

Recorra sua multa de trânsito

Baixe o PDF grátis

Atenção Especial À Troca De Óleo

Faremos agora um alerta muito importante.

De acordo com Renato Romio, chefe do Laboratório de Motores do Instituto Mauá de Tecnologia, de São Paulo, em entrevista à matéria citada acima, é essencial que o motorista cumpra o prazo de troca especificado.

“Mesmo completando o nível com óleo novo, não se deve mudar a data, pois o óleo antigo pode criar borra no motor”, afirma ele.

Em outras palavras: troque o óleo do veículo conforme a orientação do manual do proprietário.

E quando for repor o óleo, lembre de colocar o mesmo tipo de óleo. Nada de completar com um óleo de numeração diferente.

 

Como Saber Se o Veículo Está Vazando Óleo

vazamento de oleo principais causas o que fazer
Existem alguns macetes para descobrir se o seu automóvel está vazando óleo e tomar as devidas precauções

Descobrir se o seu veículo está vazando óleo não é nenhuma missão impossível.

Basta fazer uma inspeção minuciosa no seu veículo.

Normalmente, quando o vazamento é maior, ficam manchas no chão, embaixo do veículo, onde o óleo pinga.

Até mesmo os motoristas com poucos conhecimentos sobre o funcionamento dos veículos sabem reconhecer uma mancha de óleo na garagem da casa.

Contudo, se o vazamento for menor, é bem provável que o óleo evapore antes de chegar ao chão. Assim como ocorre com uma frigideira quente quando você deixa o óleo nela por tempo demais.

Devido a isso, você também vai precisar procurar no próprio motor vestígios de algum vazamento de óleo, como manchas.

Isso significa que o veículo está com vazamento de óleo.

Agora que descobriu o problema, o que você deve fazer? Descubra no próximo capítulo como verificar a gravidade do vazamento do óleo do seu veículo.

 

Qual a Gravidade do Vazamento de Óleo

vazamento de oleo qual a gravidade
Mesmo os vazamentos menores precisam ser investigados

Será que adianta pegar uma lanterna e tentar descobrir qual é o problema que está causando o vazamento de óleo?

Na verdade, indicaremos outras formas para descobrir qual é a gravidade do vazamento de óleo.

Por exemplo, existe um tipo de vazamento que afeta o funcionamento da direção hidráulica ou mesmo dos freios do carro?

Você sabia que isso poderia acontecer?

Um modo de descobrir a gravidade do vazamento é através da verificação da cor do óleo.

Se a cor do óleo estiver avermelhada ou castanho claro e fino, o vazamento tem ligação com a direção hidráulica do carro.

Neste caso, é necessário ainda mais cuidado, porque envolve o volante.

Caso o motorista esteja habituado a uma direção maleável e simples de guiar, o vazamento vai prejudicar a dirigibilidade ao torná-la mais dura.

A solução é levar o veículo ao mecânico com urgência.

De acordo com o engenheiro mecânico Dennis Marun, o vazamento na direção hidráulica costuma não ser grande e suja as peça que estão por perto, sem formar uma poça em baixo do carro.

“Um reparo de R$ 150 em uma conexão de mangueira pode se transformar em cerca de R$ 2 mil caso tenha que substituir a caixa ou a bomba que ficaram danificadas por funcionar sem óleo”, alerta ele.

Conclusão: muita atenção a qualquer vazamento no carro.

Vazamento Pode Atingir Os Freios

Veremos agora outro vazamento relacionado a cor de óleo.

Se a cor do óleo estiver de transparente até marrom e muito escorregadio, é necessária ainda mais atenção para não sofrer um acidente.

Isso porque o vazamento pode envolver o fluído de freio.

O fluido de freio parece um óleo de natureza mineral e que fica marrom em vista do contato com o motor do carro.

Fique atento porque a viscosidade do fluído do freio é bem mais escorregadia.

Mas como o motorista pode fazer o teste?

Passe a ponta do dedo no líquido que vazou.

Se o dedo ficar bem mais escorregadio, é o óleo de freio.

Não pense duas vezes, e não perca tempo consultando amigos ou familiares: procure uma oficina mecânica de confiança.

Nesse caso, é aconselhado chamar o mecânico na sua residência.

Isso evitará que você dirija sem freio, o que é uma tarefa bem difícil e perigosa.

Recorra sua multa de trânsito

Baixe o PDF grátis

Outras Origens Para O Vazamento

E se o óleo estiver com uma cor esverdeada, amarelada ou um rosa que parece pegajoso?

Direto ao ponto: o problema envolve o líquido de arrefecimento.

Perceba: o problema não é o óleo do carro, mas o líquido de arrefecimento.

É mais comum esse tipo de vazamento em carros mais antigos.

É um aviso que é necessário completar o nível do reservatório.

E se o vazamento for claro, fino e muito parecido com a água da torneira?

A primeira coisa que você deve olhar é se o vazamento acontece no lado do passageiro.

Se for o caso, fique tranquilo: é apenas água.

Isso mesmo: não é vazamento de óleo.

A explicação para o vazamento é extremamente simples: a água é o resultado de você ter utilizado o ar condicionado.

Mas e se o óleo estiver preto ou marrom claro?

É um vazamento fácil de ser identificado porque envolve o líquido que lubrifica o interior do motor.

Preste atenção: se o vazamento for pouco, pode ser algo natural de acontecer.

Mas se vazar demais, leve o seu veículo para o mecânico com urgência.

E se o vazamento for avermelhado e fino? Ou grosso e marrom?

O problema é na transmissão automática.

Também será necessário levar o veículo a uma oficina mecânica.

 

4 Causas Comuns do Vazamento de Óleo

vazamento de oleo 4 causas comuns
Não existe somente uma causa para o vazamento de óleo nos veículos

Podemos apontar quais são as causas mais prováveis do vazamento do óleo dos carros.

De acordo com Marcelo Alves, professor e engenheiro mecânico da Escola Politécnica da USP (Poli-USP), nesta reportagem do Terra:

“Os mais comuns são excesso de óleo, desgaste da junta do cabeçote, retentores e problema no cárter”.

De acordo com a mesma reportagem, o motor dos veículos é formado por um sistema que abrange vários componentes.

Normalmente o vazamento não começa no retentor.

Mas se o seu mecânico de confiança decidir pela troca do retentor, será preciso revisar o motor para descobrir a razão do vazamento do óleo.

Você sabia que, em muitos casos, é o motorista o principal responsável pelo vazamento do óleo do veículo?

Isso ocorre porque ele coloca óleo demais, ou seja, passa do limite indicado no manual do proprietário sem perceber.

Por isso é muito importante saber exatamente o que está fazendo ao mexer no seu veículo.

Afinal, você pode estar prejudicando o funcionamento do seu carro sem saber.

Mas qual o nível que o óleo deve ficar?

É simples: o óleo deve ficar entre o mínimo e o máximo da vareta, ou seja, entre os dois risquinhos que aparecem nela.

O que acontece se o motorista colocar menos óleo do que o recomendado pelo manual do proprietário?

Haverá uma grande probabilidade de que ocorra um desgastaste considerável nas peças do motor e talvez até mesmo o motor funda.

Então, cuidado para não colocar óleo nem de menos nem em excesso.

Por isso, siga a recomendação do manual do proprietário, lá existe um indicativo com a quantia correta que você deve colocar.

Caso você tenha colocado além óleo além da conta você irá precisar sangrar o excesso.

Vamos demonstrar agora um erro muito comum cometido pelos proprietários de veículos.

Nunca verifique o nível do óleo com o motor ainda quente.

Preste atenção: nunca faça isso.

Mas como você deve fazer para verificar o óleo? Espere por pelo menos 10 minutos para o motor ficar mais frio e o óleo descer para o cárter.

E aí sim você pode medir o nível do óleo sem risco de ser “enganado”.

Lembrando que o ideal é verificar o nível dele de manhã cedo, antes de ligar o carro pela primeira vez.

Você pode estar se perguntando: por qual razão não é possível medir o óleo com o motor ainda quente?

Se você fizer isso, ficará com a nítida impressão de que é necessário colocar ainda mais óleo no carro, isso porque o óleo não vai estar no reservatório, mas sim circulando pelo motor.

Recorra sua multa de trânsito

Baixe o PDF grátis

A consequência é que você colocará mais óleo para completar o nível e como isso provavelmente não era necessário, ocorrerá um vazamento devido ao excesso de óleo no sistema.

E é necessário medir o nível do óleo do motor todo o mês?

Não. É preciso medir o óleo toda a semana. Parece muito? Pois acredite, não é.

É aquele velho ditado: antes prevenir do que remediar.

E o que fazer se você perceber que o nível baixou muito de uma semana para outra? Complete o nível de óleo e agende um horário em uma oficina mecânica de confiança.

Abordaremos agora outra peça do veículo que pode causar vazamento de óleo.

Estamos falando do bujão. Você sabe o que é isso?

O bujão é uma peça que tem como função a vedação do cárter. E o cárter é onde fica guardado o óleo do motor.

Mas qual pode ser o problema com o bujão?

De acordo com o mecânico Alexandre Vilella, em entrevista ao site G1:

“Se o bujão estiver mal apertado, pode acontecer vazamento. Se ele ficar espanado, ele não vai ficar legal. Além disso, tem a rosca e também tem a ruela de vedação. Cada carro é um tipo de bujão diferente. Isso é muito importante.”

Alertamos também para o formato do bujão. O bujão tem o formato muito parecido com o de um parafuso normal.

É necessário prestar muita atenção para não confundir o formato.

A função do bujão não é somente vedar, mas criar uma espécie de novo encaixe com o cárter.

Veremos agora outro problema muito comum que gera vazamento de óleo.

Estamos falando do tampão de cárter.

É uma espécie de tampa inferior que tem como função guardar o óleo que irá lubrificar as engrenagens do motor.

Repare que o tampão de cárter pode acabar ficando frouxo após as trocas de óleo.

Se isso acontecer, apenas aperte ele. Bem fácil resolver o problema, não é mesmo?

Como vimos, o vazamento de óleo pode prejudicar o motor do seu veículo.

Em casos mais complexos do que apenas apertar tampão de cárter é necessário levar a oficina mecânica.

Nunca subestime um vazamento de óleo. O prejuízo financeiro no futuro pode ser muito alto.

Quando a junta do cabeçote está gasta também ocorre vazamento, assim como quando há problema nos retentores.

Nesses casos você vai precisar trocar, ou a junta do cabeçote ou os retentores, conforme qual for o problema.

Quando o vazamento é na junta é bem fácil de ver, o motor fica manchado de óleo do lado de fora, como se estivesse vazando pela tampa.

Em ambos os casos você vai precisar levar o motor em um mecânico de confiança.

 

O Que Você Deve Fazer

vazamento de oleo o que voce deve fazer
Saiba como proceder ao ser surpreendido por uma vazamento de óleo em seu veículo

O vazamento de óleo é uma das principais preocupações dos motoristas porque envolve o “coração” do veículo: o motor.

Se você perceber qualquer vazamento ou mudança no funcionamento do carro, a melhor solução é levá-lo até uma oficina mecânica o mais rápido possível, para que o problema não fique mais grave.

Não ignore os vazamentos no motor.

Grandes problemas começam com pequenas coisas. Mas será que custa muito caro acabar de vez com o vazamento do óleo?

Descubra a resposta no próximo capítulo!

Recorra sua multa de trânsito

Baixe o PDF grátis

Quanto Custa Para Resolver o Problema

vazamento de oleo quanto custa para resolver o problema
O valor de conserto para vazamentos varia muito de acordo com a gravidade

Chegamos a uma parte muito delicada: o dinheiro que será gasto para o conserto do vazamento.

Preparado? Vamos lá, então.

Os preços cobrados variam conforme o problema de vazamento de óleo e o modelo do seu carro.

Vamos imaginar que o problema de vazamento de óleo pode ser resolvido após o motor ser lavado.

A média de valores é de R$ 80,00. E repare que essa é uma manutenção considerada pouco complexa.

Agora imagine que o problema de vazamento de óleo é no cárter.

Se você tiver um carro popular (um Fiat Palio, por exemplo), o preço do conserto pode chegar até R$250,00.

É possível perceber que os valores vão aumentando, não é mesmo?

Cuide bem da manutenção diária do seu carro para evitar maiores gastos. Caso precise fazer o motor, o custo parte de R$ 2.500,00.

Mas isso só ocorrerá se você quiser “empurrar com a barriga” e não fizer a manutenção quando necessário.

 

Conclusão

vazamento de oleo conclusao
Preparado para cuidar melhor do seu veículo e evitar prejuízos?

Neste artigo, falamos sobre as principais causas de um problema muito comum nos veículos: o vazamento de óleo.

Todos os dias, motoristas procuram as oficinas mecânicas e recebem como diagnóstico de que o carro está com algum vazamento.

Agora, você sabe que o vazamento de óleo não é o fim do mundo, mas ainda assim demanda muita atenção.

Imagine ficar empenhado com o carro em um congestionamento na cidade de São Paulo na chamada hora do rush.

Ou indo para o serviço nas primeiras horas de uma manhã chuvosa.

Ou, pior ainda: na viagem de férias com toda a família reunida no carro.

Não gosta nem de pensar, não é mesmo?

Mas depois de um tempo de vazamento de óleo, o carro vai lhe deixar na mão, certamente.

O melhor mesmo é não deixar para depois.

Se o vazamento de óleo é recente, a probabilidade que você gaste pouco dinheiro para o conserto é grande.

Como já afirmamos antes, pequenos probleminhas se tornam problemões no futuro por mero descaso do proprietário do veículo.

Em outras palavras: muitas vezes o próprio motorista é o culpado pelo vazamento de óleo e até por danos mais graves ao motor, simplesmente por não ter corrigido o problema a tempo.

Lembre-se: se você colocar óleo demais dentro do motor, o resultado será o vazamento na sua garagem.

O mesmo pode acontecer se você usar um óleo que não é recomendado para o seu carro.

Sempre é preciso saber o máximo possível sobre o funcionamento do seu veículo.

Desta forma, você evitará idas desnecessárias a oficinas mecânicas e economizará dinheiro.

Cuidar do carro é o mesmo que economizar, pois é um gasto no presente e um investimento no futuro.

Uma boa estratégia para isso está na prevenção.

Ou seja, faça a revisão do carro em uma mecânica especializada pelos menos duas vezes por ano, ou a cada 10 mil quilômetros rodados.

Ficou com alguma dúvida sobre este artigo? Ou deseja alguma informação sobre legislação de trânsito?

Então, não perca tempo e entre em contato conosco.

A equipe do Doutor Multas está sempre à disposição para ajudá-lo da melhor maneira possível.

A empresa trabalha duro e os membros da equipe estão aqui para você a qualquer momento.

Respondemos a todos os e-mails, chamadas e solicitações.

São mais de 40 pessoas a seu alcance e chamada.

Então, gostou do artigo de hoje? Não esqueça de compartilhar com seus amigos e familiares.

Todos aqueles que dirigem no dia a dia precisam desse tipo de informação para fazer a sua parte por um trânsito melhor.

Recorra sua multa de trânsito

Baixe o PDF grátis

 

Foi multado? Não fique sem dirigir! Descubra agora como não perder a CNH: Clique aqui para ter uma CONSULTA GRATUITA com o Doutor Multas.