10 Lugares Para Viajar de Carro Que Você Precisa Conhecer

Foi multado? Não fique sem dirigir! Descubra agora como não perder a CNH: Clique aqui para ter uma CONSULTA GRATUITA com o Doutor Multas.

lugares para viajar carro 2018

Nosso país é conhecido pelas suas dimensões continentais e belezas naturais – o que é uma combinação perfeita para quem gosta de viajar e apreciar novas paisagens.

Elas vão desde os pampas gaúchos até a Amazônia, passando pelo pantanal, cerrado, Mata Atlântica e muitos outros cenários.

Isso sem contar o patrimônio histórico de cidades antigas espalhadas pelo interior do Brasil.

Sobre algumas delas você, possivelmente, nunca ouviu falar, mas, certamente, ficaria encantado ao conhecer.

Resumindo: há muita coisa para ver. São cerca de 8,5 milhões de quilômetros quadrados de área, divididos em 26 estados mais o Distrito Federal.

A notícia boa para quem gosta de uma roadtrip é que há muitos lugares para viajar de carro.

A maioria das atrações turísticas brasileiras pode ser acessada por rodovias.

E há vários casos em que as próprias rodovias já são uma atração pelas belezas visuais espalhadas pelo trajeto.

Se você deseja sugestões dos melhores lugares para viajar de carro dentro do País, veio ao lugar certo.

Além dessas dicas, irei compartilhar alguns conselhos para que tudo corra às mil maravilhas em sua viagem.

Boa leitura!

Viagens de Carro Pelo Brasil

lugares para viajar carro brasil
Quer maior liberdade do que conhecer lugares para viajar de carro na hora em que desejar?

Muitas rodovias brasileiras apresentam em más condições para tráfego, mas nem por isso o Brasil deixa de ser um país com ótimos lugares para viajar de carro.

Apenas de rodovias federais (as que ligam dois ou mais estados ou levam a um país vizinho), são 52 mil quilômetros.

A primeira rodovia asfaltada do país é a Rio-Petrópolis.

Ela foi inaugurada em 1928, pelo então presidente Washington Luís.

É claro que o Brasil já possuía várias estradas não pavimentadas. E, mesmo antes dos automóveis, na época do império, havia caminhos abertos para o trajeto das diligências.

Quando Washington Luís ainda era governador de São Paulo, disse uma frase pela qual é conhecido até hoje: “Governar é povoar; mas não se povoa sem se abrir estradas, e de todas as espécies; governar é, pois, fazer estradas“.

Essa ideia acabou virando lema de seu mandato como presidente, anos depois.

Desde então, outros presidentes seguiram essa ideia e a malha rodoviária brasileira se multiplicou.

Hoje, enfrentamos percalços por não ter havido um investimento na manutenção e criação de novas ferrovias, tanto para o transporte de cargas quanto para o de passageiros.

Para quem gosta de viajar de carro, no entanto, isso não é um problema.

Não interessa qual seja a distância, percorrer o trajeto de automóvel tem como principal vantagem a possibilidade de viajar no seu próprio ritmo.

Com a liberdade de parar onde quiser para apreciar a paisagem ou a cultura local e, é claro, de mudar o roteiro quando der na telha.

Um levantamento do Ministério do Turismo sugere que mais brasileiros estão reconhecendo cada vez mais essas vantagens.

A pesquisa, realizada em maio, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) entrevistou mais de duas mil famílias brasileiras sobre a intenção de viajar.

Segundo essa pesquisa, 28,6% dos entrevistados pretendem usar o automóvel em suas próximas viagens pelo País.

Convencido de que embarcar em uma roadtrip com o seu veículo (ou alugar um para isso) é uma ótima ideia?

Então, só falta escolher um entre os tantos lugares para viajar de carro espalhados pelo Brasil e começar a planejar o seu roteiro!

Para ajudá-lo nesta missão, separei uma lista com 10 dicas de lugares ótimos para a sua viagem. Quer saber quais são? Então, siga a leitura!

 

10 Lugares Para Viajar de Carro Que Você Precisa Conhecer

lugares para viajar carro melhores rotas
Já ouviu falar sobre a exuberante Rodovia Transamazônica?

Escolher um local para viajar é questão de gosto.

Você pode gostar mais de mar, serra, natureza, história ou, simplesmente, de uma vista deslumbrante.

Na lista que apresentarei a seguir, procurei incluir opções de todos os tipos.

Dessa forma, será impossível não encontrar algum roteiro pelo qual você se apaixone.

Tenha em mente que não estou falando das melhores atrações turísticas – embora você possa chegar em muitas delas pelos caminhos listados.

Isso porque o meu foco, aqui, não é o destino, mas sim a beleza do trajeto. Então, vamos a eles!

1.   Rodovia Rio-Petrópolis (Rio de Janeiro)

Embora esse seja um fato muito interessante, a Rio-Petrópolis não está na lista só por ser a mais antiga rodovia pavimentada do Brasil, como mencionei anteriormente.

Percorrer os cerca de 70 quilômetros do trecho da BR-040, que liga as duas cidades do estado do Rio de Janeiro – onde a estrada leva o nome de Rodovia Washington Luís –, é um bonito passeio bate-volta.

Primeiro você aproveita a cidade maravilhosa, depois pega o carro e sobe até Petrópolis, cidade a mais de 800 metros de altitude.

Com um gostoso clima serrano, Petrópolis foi fundada pelo Imperador Dom Pedro II, que tinha lá sua residência de verão.

2. Rodovia Monteiro Lobato (São Paulo)

Para quem gosta de um cenário rural e com bastante verde, a SP-050, conhecida como Rodovia Monteiro Lobato, é uma bela pedida.

É um passeio recomendado especialmente para quem mora em uma grande cidade e quer entrar em contato com o interior do Brasil.

Saindo de São Paulo capital, você pode pegar a BR-116 e seguir até Caçapava.

A partir daí, pegue a Rodovia dos Livros e depois a SP-050 até Campos do Jordão.

Mas atenção: cuidado com o GPS, que indicará o caminho mais curto, que passa por Taubaté e não contempla a Rodovia Monteiro Lobato.

No meio do caminho, entre Caçapava e Monteiro Lobato, você ainda poderá conhecer o verdadeiro Sítio do Pica-pau Amarelo.

3. Cidades Históricas Mineiras (Minas Gerais)

Quem gosta de história e da arquitetura colonial brasileira encontrará em Minas Gerais várias cidades apaixonantes.

Há vários lugares para viajar de carro saindo de Belo Horizonte.

Um roteiro interessante é pegar a BR-356 e ir até a famosa Ouro Preto.

Na sequência, pegue a MG-129 até o município de Congonhas, para contemplar o lindo Santuário de Bom Jesus de Matosinhos.

Depois, siga viagem na direção sul, pegando a BR-383 e conhecendo os municípios vizinhos de São João Del Rei e Tiradentes, que possui talvez o mais bem preservado patrimônio histórico entre todas essas.

Esses são lugares para viajar de carro não apenas em um bate-volta. Sugiro, ainda, procurar hospedagem nessas cidades, para aproveitar a experiência da melhor maneira possível.

4. Atravessando o Sertão Nordestino (Pernambuco e Piauí)

A paisagem árida do sertão nordestino é uma das mais icônicas do Brasil.

Que tal conhecer esse universo em uma viagem de carro?

Há vários trajetos interessantes possíveis.

Uma sugestão é iniciar a viagem no litoral, em Recife, e terminar em Teresina.

É uma viagem longa, com 1.136 quilômetros de chão.

A beleza do trajeto está em contemplar, na BR-232, a transição dos cenários verdes do litoral pernambucano até a caatinga.

A falta de chuvas regulares durante o ano na região resulta em uma vegetação composta por arbustos secos e cactos.

Depois da BR-232, o roteiro ingressa na 316, e depois por alguns quilômetros na BR-230, na Rodovia Transamazônica.

Nesse trecho, na região de Picos, já no Piauí, a paisagem gradualmente volta a ficar verde.

Em seguida, basta pegar novamente a BR-316 até Teresina.

5. Rodovia Transamazônica (Sete Estados)

Chegou a hora de falar na polêmica BR-230, a Rodovia Transamazônica.

Ela foi construída nos anos 1970, pelo governo militar, com o objetivo de melhorar o acesso aos confins do território amazônico.

Questões ambientais à parte, atravessar a rodovia é uma aventura e tanto, mesmo que você não opte por percorrer todos os seus mais de 4 mil quilômetros que unem Cabedelo, município vizinho a João Pessoa, no litoral paraibano, à cidade amazonense de Lábrea.

Isso porque boa parte do trajeto não é asfaltado, e quanto mais entranhado na Floresta Amazônica, maior é o número de atoleiros com os quais o motorista vai se deparar.

Por isso, apenas quem está disposto a encarar uma boa aventura e possui um veículo 4×4 deve fazer esse percurso.

6. Transpantaneira (Mato Grosso)

Outro dos lugares para viajar de carro em que é possível curtir um dos vários biomas de nosso enorme país é a Transpantaneira.

A Transpantaneira é o trecho da MT-060 que vai de Poconé, no Mato Grosso, até Porto Jofre, atravessando uma parte do vasto Pantanal.

São cerca de 150 quilômetros, mas o trajeto é de chão batido e inclui mais de 100 pontes de madeira.

Por isso, o percurso demora muitas horas – e o recomendado é percorrê-lo, assim como na Transamazônica, com um 4×4.

Na paisagem, muitos jacarés, garças, jabirus, capivaras, gaviões e outros belos animais podem ser vistos.

Experimente passar algumas noites em fazendas ao longo do caminho para conhecer melhor o lindo Pantanal.

7. Porto Alegre-Gramado (Rio Grande do Sul)

Agora chegou a vez de conhecer os cenários do sul do Brasil.

Você pode fazer esse percurso e os dois seguintes na mesma viagem, porque um trajeto leva ao outro.

Partindo de Porto Alegre, pegue a BR-116 no sentido norte.

Passando por Novo Hamburgo, começará a subir a serra.

Na Rota Romântica gaúcha, contemple os lindos plátanos à beira da estrada.

Em Nova Petrópolis, pegue a RS-235.

Quando começar a se aproximar de Gramado, a rodovia é margeada por belas hortênsias.

As araucárias, árvores símbolo da região, também dão as caras.

8. Cânions de Cambará do Sul (Rio Grande do Sul)

Depois de passar um ou mais dias apreciando a beleza europeia de Gramado e da vizinha Canela, siga pela RS-235, passe por São Francisco de Paula, nos campos de cima da serra.

Depois, pegue a RS-020 e vá até Cambará do Sul.

A paisagem da rota é linda, mas você vai se encantar mais ainda com os deslumbrantes cânions do Parque Nacional dos Aparados da Serra, a divisa natural entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

9. Serra do Rio do Rastro (Santa Catarina)

De Cambará do Sul, percorra cerca de 180 quilômetros para o norte, partindo pela RS-020, entrando em Santa Catarina, passando por São Joaquim (considerada a cidade mais fria do Brasil) e Bom Jardim da Serra.

Você chegará à Serra do Rio do Rastro.

Trata-se de uma estrada que desce a região mais alta de Santa Catarina serpenteando e leva até o município de Lauro Müller.

A vista é sensacional!

10. Rota Ecológica

Voltando ao nordeste, para quem não dispensa uma boa praia, um dos melhores lugares para viajar de carro é a Rota Ecológica, que compreende a região da Costa dos Corais, no estado de Alagoas.

São pouco mais de 20 quilômetros que ligam a Barra de Camaragibe até Porto de Pedras, municípios conectados pela AL-101.

Mas o trajeto passa por praias espetaculares, com muitas piscinas naturais, formadas por conta da barreira de corais de seu mar.

Muitos dos povoados são difíceis de acessar para quem não está de carro.

Por isso, essa região é um dos principais lugares para viajar de carro no Brasil.

E então, gostou das dicas de lugares para viajar que acabei de elencar? Como você pôde ver, são destinos bem diferentes uns dos outros, portanto, tem opções para todos os gostos!

No próximo tópico, explicarei como deve ser feito o seu planejamento de viagem, um tema bem importante para quem pretende conhecer alguma dessas regiões do país.

Afinal, viajar é bom, mas requer uma série de precauções para que o passeio não cause dores de cabeça e perca uma das suas maiores finalidades: o relaxamento.

Portanto, siga a leitura e entenda melhor como deve ser feito esse planejamento.

Como Planejar o Roteiro de Viagem de Carro

lugares para viajar carro como planejar
O planejamento da viagem é essencial para que ela seja agradável e segura

Os destinos que apresentei na lista acima parecem realmente lindos, não é mesmo?

Mas escolher um desses lugares é somente o primeiro passo da viagem.

Depois disso, há bastante coisa para ser feita.

Mesmo que você goste do improviso, de deixar se levar pelo momento, um planejamento mínimo é importante.

Caso contrário, não aproveitará os lugares para viajar de carro da melhor maneira possível porque perderá tempo resolvendo problemas e decidindo detalhes que já podiam ter sido previstos antes.

Então, depois de definido o destino e quais são os locais por onde você pretende passar, é importante que você tenha em mente as seguintes questões:

Como ir?

Você vai sair de carro da sua casa até o destino desejado?

Se o local é longe demais de onde você mora, uma opção a ser considerada é ir de avião até determinado ponto e alugar um veículo depois.

Mas, caso o tempo disponível seja suficiente e você não se importe em dirigir por longas distâncias (ou conte com motoristas para revezar no volante), não há problemas em fazer o trajeto inteiro.

Por onde ir?

Ficar parando o carro o tempo todo para pedir informação pode até ser uma maneira interessante de interagir com o local que está sendo visitado.

Contudo, está longe de ser a maneira mais eficiente de se encontrar.

Definir o trajeto nunca foi tão fácil quanto hoje, com o acesso à internet na palma da mão e os aplicativos com mapa e GPS.

Porém, a dica, aqui, é não depender somente do GPS.

Antes de começar a viagem,  acesse o Google Maps e confira toda a rota que será utilizada.

Se você quer passar por uma das rodovias que mencionei, encontre no mapa onde começa e termina o trecho mais bonito.

Se você apenas colocar o destino no GPS, ele pode levar você para um caminho que não contemple esses lugares.

Aproveite e digite na busca do Google Maps “postos de combustíveis” e, então, confira se as rodovias por onde você passará estão bem servidas desses estabelecimentos.

Quantos dias?

A viagem será apenas um passeio bate-volta no mesmo dia ou você prefere tirar um tempinho maior, aproveitando um final de semana, feriado ou férias?

Saber quanto tempo você tem é fundamental para decidir alguns detalhes e determinar qual será o ritmo da viagem.

Na hora de planejar o roteiro pelo Google Maps, preste atenção no tempo que ele estima para a chegada.

Ao incluir essas horas em seu planejamento, considere as possíveis paradas para alimentação, abastecimento e eventuais imprevistos (como um acidente na via trancando o trânsito).

Onde ficar?

Caso a viagem dure mais do que um dia, é preciso pensar onde passar as noites.

Não recomendo passá-las na estrada, mesmo que tenha outros motoristas para revezar no volante.

Afinal, com menores condições de visibilidade, a segurança não é a mesma. Isso sem contar a impossibilidade de apreciar a paisagem.

Em vez de escolher onde ficar apenas na hora de dormir, escolha com antecedência.

Caso contrário, perderá muito tempo procurando hospedagem e, quando achar um lugar bom, corre o risco de não haver vagas.

Para encontrar onde ficar, há vários sites exclusivos para busca de hotéis, pousadas, hostels etc.

Defina qual o nível mínimo de conforto para você e o valor máximo que pretende pagar.

A partir disso, escolha a opção que tem a melhor localização.

O que levar?

Pronto. Agora você só precisa definir qual será a sua bagagem.

Uma dica final: que tal uma bolsa térmica para levar comidas e bebidas? Assim você pode economizar tanto o tempo, que você gastaria parando em locais para comer, quanto o dinheiro comprando comidas na beira da estrada – que costumam ser bem mais caras do que em outros locais.

Agora que você garantiu as principais dicas para seu planejamento, falta mencionar uma que é extremamente importante: o cuidado com o veículo que será utilizado na viagem.

Afinal, é imprescindível uma boa revisão antes de pegar a estrada, não é mesmo?

Leia o tópico seguinte e fique atento a esses cuidados.

 

Cuidados Antes da Viagem de Carro Pelo Brasil

lugares para viajar carro cuidados antes
Para garantir o bom funcionamento do veículo, é fundamental seguir as dicas abaixo!

Mesmo que você use seu carro diariamente para ir ao trabalho e ele nunca o tenha deixado na mão, não quer dizer que ele está em perfeitas condições.

Há problemas que podem vir à tona somente em situações em que o veículo é mais exigido, como em uma viagem longa.

Por isso, é fundamental que, antes de sair para qualquer destino que envolva uma viagem de carro, seja feita uma revisão completa no veículo.

Leve o automóvel a um mecânico de confiança para isso. Algumas das checagens mais importantes são:

  • faróis:eles estão bem regulados, de modo que possam iluminar bem a pista sem ofuscar a visão do motorista que vem em direção contrária?
  • óleo:o óleo é um componente fundamental, que tem a função de lubrificar o motor. De tempos em tempos, ele precisa ser trocado – assim como o filtro;
  • sistema de arrefecimento:é o que evita o superaquecimento do motor. É importante averiguar se ele está funcionando adequadamente e se há líquido de arrefecimento em quantidade suficiente;
  • pneus:os pneus precisam estar em boas condições, com pelo menos 1,6 mm de profundidade em seus sulcos.
  • geometria e balanceamento:verificar se as rodas estão alinhadas é essencial para garantir uma boa estabilidade;
  • fluido do freio:também precisa ser trocado periodicamente para que o freio funcione com perfeição.

Como você pode ver, há uma série de cuidados que devem ser tomados antes de viajar.

Manter o veículo em boas condições é fundamental para evitar acidentes nas vias.

Gostou das dicas?

Mas elas não acabaram pro aqui. No próximo tópico, veja algumas informações importantes sobre responsabilidade na direção.

Afinal, não basta o carro estar ok, o motorista também precisa estar o mais consciente possível para que a viagem seja tranquila e segura.

Portanto, siga a leitura!

Dirija Com Responsabilidade

lugares para viajar carro responsabilidade dirigir
Respeite as normas de trânsito ao longo da viagem e evite qualquer tipo de problema ou acidente

Não basta apenas garantir que o veículo esteja em boas condições para viajar com segurança. Também é fundamental que o motorista respeite as leis de trânsito.

De acordo com o artigo 61 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a velocidade máxima em rodovias de pista dupla é:

  • 110 km/h para automóveis, camionetas e motocicletas;
  • 90 km/h para os demais veículos.

Já nas rodovias de pista simples, os limites são 100 km/h e 90 km/h, respectivamente.

Em estradas, que são vias rurais não pavimentadas, veículos de qualquer tipo podem trafegar a, no máximo, 60 km/h.

Nas vias urbanas de trânsito rápido, não é permitido dirigir a mais de 80 km/h.

Esses são os limites apenas quando não há placa de sinalização indicando velocidades diferentes.

Seja qual for a máxima permitida, procure sempre respeitá-la, porque ela é definida de acordo com a segurança que a rodovia proporciona.

O excesso de velocidade é a principal causa de acidentes nas estradas brasileiras, junto com outra infração muito perigosa: a ultrapassagem proibida.

Se você estiver em uma rodovia de pista simples, só realize a manobra de ultrapassagem se a linha que divide a pista for tracejada no seu lado.

E, é claro, depois de se certificar que há tempo suficiente para voltar à pista da direita sem que haja perigo de colidir com um veículo da direção contrária.

Com ou sem as linhas no centro da pista, nunca ultrapasse em pontes, túneis, aclives, declives ou antes, curvas (ou pouco antes da curva chegar).

Assim, além de evitar acidentes, você diminuirá a chance de receber uma multa por infração de trânsito.

Falando nisso, lembre-se de que é necessário estar com a luz baixa ligada mesmo durante o dia ao andar em rodovias.

Você só receberá uma multa por não obedecer a essa regra se o trecho em que estiver trafegando contiver placas que informem a obrigatoriedade dos faróis no local.

Mesmo que a rodovia em questão não esteja sinalizada, contudo, recomendamos trafegar com a luz baixa acesa, para tornar o veículo mais visível aos olhos dos demais condutores.

 

Conclusão

lugares para viajar carro conclusao
Lugares lindos para conhecer no Brasil é o que não falta! Partiu viajar?

Seja para um passeio a dois, com a família completa, com amigos ou, até mesmo, sozinho, viajar de carro é uma ótima ideia.

Se for colocar esse desejo em prática, lembre-se: a segurança deve vir sempre em primeiro lugar.

Caso você esteja em um lugar muito bonito e queira parar para apreciar com mais calma a paisagem, faça isso em um local apropriado.

acostamento não serve para isso, ao contrário do que muitos pensam.

De acordo com o artigo 181 do Código de Trânsito, estacionar nessa parte da via é infração, a não ser que haja motivo de força maior (como um problema no veículo).

No mais, reitero o conselho de fazer uma revisão no veículo antes de sair, respeitar os limites de velocidade e ultrapassar somente quando é permitido e há condições.

Conhece outros inesquecíveis lugares para viajar de carro que ficaram fora da lista?

Então deixe um comentário abaixo e amplie a nossa lista!

Foi multado? Não fique sem dirigir! Descubra agora como não perder a CNH: Clique aqui para ter uma CONSULTA GRATUITA com o Doutor Multas.