Como Fazer Baliza de Forma Fácil + Vídeo Explicativo

Foi multado? Não fique sem dirigir! Descubra agora como não perder a CNH: Clique aqui para ter uma CONSULTA GRATUITA com o Doutor Multas.

Quem nunca se perguntou como algumas pessoas conseguem fazer baliza perfeitamente?

Estacionar o veículo é um momento complicado para muitos motoristas.

O receio de fazer baliza é tanto que, em alguns casos, acomete até mesmo aqueles que a fazem todos os dias.

Para quem não tem prática com a manobra, então, nem se fala. É capaz de o motorista procurar outra vaga para não correr o risco de não conseguir estacionar corretamente.

Na prova prática do DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito), porém, não há como fugir.

Para obter aprovação e adquirir a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), é preciso enfrentar essa etapa.

Para você ter uma ideia do quanto as pessoas se apavoram com esse momento, é nessa fase da prova que há mais reprovação.

De modo a ajudar você a não ter problemas ao fazer baliza, preparei um passo a passo sobre a manobra.

Neste artigo, você também verá algumas dicas para facilitar a prática, bem como poderá entender melhor o que é uma baliza.

Você está ligado às dimensões do seu veículo? Pois saiba que ter esse conhecimento facilita o momento de estacionar.

Por isso, vou falar sobre essa questão e, ainda, apresentarei uma tecnologia que pode ajudar muito a prática de estacionar o veículo.

Ficou interessado? Então leia este artigo até o final.

Boa leitura!

 

O Que é Uma Baliza?

Antes de falar sobre como fazer baliza, você deve saber o que é uma baliza.

Esse termo tem o sentido de delimitar um espaço. Por isso, a palavra baliza foi adotada para conceituar a prática de estacionar de ré um veículo entre outros dois, ou entre objetos.

Uma das atividades práticas a serem cumpridas por quem passa pelo processo de formação de condutor é fazer a baliza, isto é, estacionar em vaga delimitada por duas hastes, dispostas de modo a ficarem à frente e atrás do veículo.

Para habilitar-se a dirigir, o candidato a motorista deve ser aprovado tanto no exame teórico, quanto no exame prático de direção.

A prova prática consiste em conduzir corretamente o veículo, executando tudo aquilo que foi aprendido durante as aulas teóricas de direção.

A manobra sobre a qual estou falando faz parte desse processo. Assim como as demais, ela deve ser feita corretamente pelo candidato durante o exame prático, a fim de que ele possa ser aprovado nessa etapa.

O problema é que, mesmo recebendo uma boa instrução e exercitando bastante, muitas pessoas não conseguem manobrar sem falhar. Algumas, inclusive, sequer chegam a tentar, devido ao nervosismo gerado pelo receio de reprovar.

De fato, esse é um momento delicado que exige muita concentração. Um único deslize pode fazer com que o direito de dirigir não seja obtido e, para realizar a prova outra vez, é necessário pagar uma taxa.

Ter de lidar com a frustração e com os gastos, ao mesmo tempo, deixa qualquer um de nós decepcionado, mas, com certeza, é importante que a prova seja rígida nesse sentido, uma vez que, no trânsito, de modo geral, a pressão é muito maior.

Depois de obter a CNH, o motorista terá de estacionar entre dois veículos diversas vezes. E, mesmo tendo sido aprovado no exame, é possível que tenha muita dificuldade para fazer isso.

O motivo de isso acontecer pode ser devido às técnicas aderidas pelo candidato para a aprovação.

Há quem repita a atividade de fazer baliza tantas vezes que, em dado momento, já a decorou. Outras pessoas se apoiam, durante as aulas de direção, em pontos fixos de referência, tendo-os como orientação para movimentar o veículo.

No trânsito, em uma situação normal, no entanto, os locais onde o veículo será estacionado poderão variar, o que significa que o espaço provavelmente não será o mesmo.

Pode ser que você precise entrar em uma vaga bastante estreita. Desse modo, essas estratégias poderão falhar.

É importante, então, que você aprenda como lidar com o espaço e com os obstáculos da via, a fim de que saiba como fazer baliza em qualquer lugar.

Portanto, acompanhe este artigo. Aqui, mostrarei a você algumas técnicas que poderão ajudar.

Na próxima seção, você já poderá encontrar uma dica bem importante. Veja!

 

Dica Importante Para Uma Baliza Perfeita

Por mais óbvio que seja, em primeiro lugar, é importante manter a calma durante a manobra.

O foco na direção é essencial, mas, por conta disso, muitas pessoas acabam ficando tensas. Isso é natural, mas o excesso de preocupação pode dificultar a prática.

Antes de iniciar a manobra, não se esqueça de verificar se a vaga de estacionamento não é prioritária ou exclusiva.

Conforme o art. 181 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), inciso XX, estacionar o veículo em vagas reservadas a pessoas idosas ou deficientes é uma infração de natureza gravíssima.

Além de gerar a aplicação de 7 pontos à CNH, multa de R$293,47 e remoção do veículo, essa atitude configura descaso perante o direito à acessibilidade, concedido às pessoas com mobilidade reduzida.

Ter atenção a esses aspectos não só evita que você seja multado, mas também contribui para a fluidez e segurança do trânsito.

É importante, também, lembrar-se de sinalizar o início da baliza, acionando a seta na direção em que você irá estacionar.

Além disso, não se esqueça de conferir se o espaço da vaga é suficiente para o tamanho do seu veículo. Não adianta ficar tentando encaixá-lo num espaço apertado a todo custo, pois, com isso, é possível que você acabe atingindo outros veículos, ou ocasionando um congestionamento na via.

O ideal é que haja uma boa folga, de modo que dê para manobrar à vontade na hora de entrar e também na hora de sair da vaga.

Portanto, avalie se seu veículo cabe na vaga que estiver disponível. Não adianta ter o espaço vago, se seu carro não couber nele.

Por isso, leia a próxima seção deste artigo, na qual abordo a questão das dimensões do veículo.

 

Conheça as Dimensões do seu Veículo Para Fazer Baliza

É importante ter consciência do espaço ocupado pelo veículo
É importante ter consciência do espaço ocupado pelo veículo

Hoje, felizmente, é bem mais fácil adquirir um veículo e, por isso, a cada dia, aumenta o número deles circulando pelo país.Em função disso, também aumenta a dificuldade para encontrar vagas de estacionamento.

Para piorar, muitas vezes, o espaço para estacionar é pequeno em relação ao tamanho do veículo.

Além disso, nem todo mundo tem uma boa orientação espacial e leva um tempo até que nos acostumemos a conduzir um veículo.Esse problema é ainda maior para quem tem veículos grandes, pois, além do espaço do automóvel, é preciso considerar o espaço para fazer a manobra.

Uma forma de evitar o risco de não conseguir fazer baliza, em uma situação em que o espaço da vaga não é suficiente, é conhecer as dimensões do veículo.

Para isso, você precisará treinar o estacionamento entre obstáculos. Por conta própria, você consegue fazer isso. Basta encontrar um lugar reservado, com pouca movimentação e dois cones ou algo que sirva de barreira.

Coloque-os a, mais ou menos, 30 cm de distância à frente e atrás do veículo. Depois, movimente o veículo para frente e para trás, tentando não atingir nenhum dos dois obstáculos.

Dessa forma, você toma consciência do ponto em que o veículo começa e termina. Quanto mais praticar, mais noção você adquirirá do espaço ocupado pelo seu veículo. Depois, você poderá tentar entrar com o veículo de ré nesse mesmo espaço. Outro meio de conhecê-lo é passar em zigue-zague por vários obstáculos um atrás do outro.

Coloque as barreiras a uma distância suficiente para que o veículo possa passar por elas e pratique em diferentes velocidades. Assim, além da noção de espaço, você conseguirá perceber a aceleração adequada para contornar os obstáculos.Tudo isso é importante, pois evita que você perca muito tempo tentando estacionar na rua. Embora durante a prova prática de direção haja o receio da reprovação, ao estacionar na rua, o motorista tende a sofrer ainda mais pressão.

Isso porque você não estará sendo avaliado, como é o caso da prova prática do DETRAN. Então, provavelmente, os demais motoristas não terão muita paciência para aguardar que você estacione o veículo no seu tempo. Obviamente, todos nós condutores já tivemos de esperar que o veículo da frente conclua a manobra. Porém, temos de concordar, também, que ninguém quer perder muito tempo do seu dia com isso.

Sem falar que essa é uma situação que pode desencadear um congestionamento na via, sobretudo se ela for apertada. Certamente, se isso ocorrer, o seu nervosismo duplicará e, aí mesmo, é que se torna mais complicado fazer a manobra.Principalmente, por esse motivo, o ideal é que você consiga fazê-la sem grandes complicações.

O veículo e a rotação do motor serão sempre os mesmos, o que significa que, se você aprender a melhor forma de fazer baliza com o seu veículo, basta repetir o processo nas próximas vezes. Agora que você recebeu boas dicas sobre como estacionar seu carro, que tal ver o passo a passo para fazer uma baliza perfeita?A seguir, eu explico cada passo para você. Acompanhe.

Passo a Passo Para Fazer Baliza sem Errar

Confira os 6 passos e o vídeo explicativo sobre fazer baliza
Confira os 6 passos e o vídeo explicativo sobre fazer baliza

Existe uma forma bastante simples de estacionar o veículo sem perder muito tempo e sem cometer erros. Acompanhe o passo a passo a seguir.

1º Passo: alinhar o carro

Uma boa baliza depende basicamente de alinhar corretamente o veículo.

Mas, antes de iniciar a manobra, acione a seta para indicar que você entrará na vaga e certifique-se de que não há nenhum outro veículo saindo de uma vaga próxima.

Para fazer uma baliza perfeita entre dois veículos estacionados, o seu veículo deverá ficar completamente alinhado ao meio-fio e posicionado paralelamente ao veículo da frente.

2º Passo: regular os espelhos

Para ter certeza de que ele está alinhado, confira se os retrovisores de ambos os veículos estão alinhados.

Quando eles estiverem lado a lado, avance o veículo um pouco para frente.

3º Passo: girar o volante para o lado da vaga

O próximo passo é ainda mais simples. Você só precisará girar todo o volante no sentido do espaço em que o veículo ficará estacionado.

Se você quiser deixar o automóvel do lado esquerdo da via, vire o volante para a esquerda; se quiser deixar à direita, vire para a direita.

4º Passo: entrar na vaga

Para ocupar o espaço da vaga, você deverá engatar a marcha à ré e mover o veículo um pouco para trás.

Posicione o seu veículo de modo que o farol dianteiro direito dele fique paralelo à traseira do veículo estacionado à frente.

Com isso, você deverá enxergar, pelo retrovisor da direita, o farol dianteiro direito do veículo de trás. Esse é um bom truque para garantir uma entrada perfeita na vaga.

5º Passo: desvirar o volante

Após o truque do retrovisor, que, por sinal, tem poucas chances de falhar, gire completamente o volante para o lado oposto e continue deslizando o veículo em marcha à ré até que ele fique posicionado na vaga.

6º Passo: ajustar o veículo à vaga

Para finalizar, basta deslizar suavemente o veículo para ajustá-lo à vaga, de modo que fique a uma distância de, mais ou menos, 20 cm dos veículos.

Pronto! Fácil, não é?

Se, ainda assim, você ficou com dúvidas ou não conseguiu visualizar como o procedimento funciona, o vídeo a seguir vai ajudá-lo nesse sentido.

Fique tranquilo caso ainda esteja com dificuldade para entender alguns processos. Isso é normal em qualquer situação em que estamos aprendendo a praticar algo.

Com a ação de dirigir não é diferente. Cada veículo tem suas especificidades e demanda o domínio de comandos de diferentes formas.

Nesse sentido, o tempo e a prática serão dois aliados para que você consiga estacionar perfeitamente e de modo automatizado.

Fazer baliza é um processo que, no início, causa receio, mas logo se torna uma manobra automática.

Quando você perceber que não precisa se apoiar em nenhum ponto de referência para fazer a baliza, é sinal de que já dominou a técnica.

Apesar de não ser difícil estacionar um veículo, nunca é demais contar com uma ajudinha nesse momento, não é?

Por isso, conheça, a seguir, uma tecnologia que pode facilitar muito no momento de fazer baliza.

Park Assist

Conheça a tecnologia Park Assist

Você sabia que alguns modelos de veículos são equipados com um sistema de estacionamento automático?

Pode-se dizer que esse recurso é relativamente novo no mercado automobilístico, visto que, até pouco tempo, só era encontrado em veículos importados, devido ao seu alto custo.

Hoje, os veículos populares já contam com o sistema, que vem ganhando cada vez mais confiança por parte dos motoristas.

Também conhecida como sensor de ré, a tecnologia Park Assist é um dos sistemas inteligentes que auxiliam o condutor a manobrar o veículo para fazer baliza, inclusive em vagas paralelas ou perpendiculares.

Com ele, o motorista só precisa controlar a troca de marchas, o acelerador e o freio. Todos esses comandos integram o painel de bordo do veículo, o que o torna ainda mais simples.

Ao posicionar o veículo próximo à vaga, o sistema faz uma leitura do tamanho do espaço.

Quando o sistema detecta que a vaga é 20% maior do que o comprimento do veículo, ele indica que o condutor pare o veículo, solte suavemente o volante e engate a marcha à ré para iniciar a manobra.

Assim que a marcha à ré é engatada, o sistema assume o controle e movimenta o veículo automaticamente.

Para isso, o motorista não necessita e nem deve assumir o volante. Caso o faça, o sistema desativa o estacionamento automático.

O mais interessante em relação a esse sistema é que ele pode identificar que o espaço, aparentemente pequeno, de uma vaga é suficiente para estacionar o veículo.

Desse modo, você só precisa confiar no sistema e deixar que ele faça a manobra. Fique tranquilo, pois antes de serem integrados aos veículos, esses sistemas passam por intensas verificações de riscos relacionados ao seu uso.

Portanto, é baixa a probabilidade de ocorrer alguma falha nesse sentido.

Assim como o sistema de estacionamento automático, a câmera de ré é outra tecnologia que surgiu para auxiliar o motorista na hora de estacionar o veículo.

Conclusão

Seguindo essas dicas, você não terá complicações
Seguindo essas dicas, você não terá complicações

Espero que, após a leitura deste artigo, você tenha conseguido entender o que é baliza e esteja mais confiante para executar essa manobra.

Com o passo a passo que apresentei, e conhecendo bem as dimensões do seu veículo, você terá muito mais facilidade na hora de estacionar.

De qualquer modo, é sempre bom lembrar-se da importância de praticar, mesmo que você venha a comprar um veículo com tecnologia de estacionamento automático no futuro.

Como eu disse, a prática ajudará você a ter noção do espaço ocupado pelo seu veículo e a saber lidar com os obstáculos da via.

Se você que está lendo este artigo deseja habilitar-se em um futuro próximo, não se desespere em relação à prova do DETRAN. Quanto mais calmo(a) você estiver, maior será o êxito em cumpri-la.

Como futuro condutor, é importante que você saiba, também, que existe a possibilidade de você ser multado indevidamente.

Caso isso aconteça, você tem o direito de recorrer da(s) multa(s), a fim de cancelar as penalidades dela(s) decorrentes.

Minha equipe, composta por especialistas em direito de trânsito, e eu trabalhamos com recursos administrativos de multas de trânsito e podemos ajudá-lo nessa tarefa.

Se possível, envie uma cópia da sua Notificação de Autuação ou do Auto de Infração para que eu possa analisar gratuitamente o seu caso.

Assim, caso você deseje, poderemos formular um recurso personalizado para resolver a sua situação.

Em caso de dúvidas sobre este assunto, deixe um comentário abaixo. Sua avaliação é importante para mim!

Se você gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos e mostre para eles as dicas para fazer a baliza perfeita.

Foi multado? Não fique sem dirigir! Descubra agora como não perder a CNH: Clique aqui para ter uma CONSULTA GRATUITA com o Doutor Multas.