Detran Exame de vista: valor, como funciona e mais

A lei de trânsito mudou e a sua CNH pode estar em risco! Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!

O exame de vista do Detran desempenha um papel crucial tanto na renovação quanto na obtenção inicial da Carteira Nacional de Trânsito (CNH). Este procedimento, administrado pelo Departamento Estadual de Trânsito, constitui uma avaliação oftalmológica necessária para condutores em busca da emissão ou renovação da CNH, abrangendo todas as cinco categorias de habilitação:

Sua importância reside na garantia da segurança nas vias, ajudando a prevenir acidentes ao assegurar que os motoristas mantenham uma boa acuidade visual enquanto conduzem seus veículos.

O exame de vista deve ser realizado periodicamente em clínicas credenciadas pelo Detran, conforme a faixa etária do condutor: a cada 10 anos para condutores abaixo de 50 anos, a cada 5 anos para aqueles entre 50 e 70 anos, e a cada 3 anos para condutores com 70 anos ou mais.

Faixa EtáriaFrequência do Exame de Vista
Abaixo de 50 anosA cada 10 anos
Entre 50 e 70 anosA cada 5 anos
70 anos ou maisA cada 3 anos

O que envolve o exame de vista do Detran

  • Visão central: Avalia a capacidade de enxergar e identificar placas de trânsito, pessoas e semáforos, tanto de perto quanto de longe.
  • Visão periférica: Verifica a qualidade do campo de visão do condutor, observando se a imagem se forma na área periférica da retina, revelando como o condutor percebe o movimento ao redor do veículo.
  • Acuidade visual: Consiste em enxergar e identificar diferentes letras em diferentes tamanhos, avaliando a nitidez da visão do condutor.
  • Capacidade de distinguir cores: Importante teste para identificar condutores com daltonismo ou outras dificuldades em identificar cores.
  • Visão tridimensional: Determina o tipo de veículo que o condutor pode dirigir.
  • Reflexo e ofuscamento: Avalia a capacidade de enxergar claramente em diferentes condições de iluminação e recuperar a visão após ofuscamento direto.
  • Visão individual de cada olho: Verifica a saúde ocular individual e é vital para pessoas monoculares, restringindo a categoria de veículos que podem dirigir.
  • Fundo de olho: Exame para diagnosticar condições como glaucoma, diabetes mellitus e hipertensão, examinando nervos, artérias e veias da retina.

Quais as diferenças entre visão central e visão periférica?

A visão central é responsável por nos permitir visualizar placas de trânsito, pessoas e semáforos, mesmo a uma distância considerável. Este aspecto da visão é testado tanto para objetos próximos quanto distantes durante o exame oftalmológico.

Por outro lado, a visão periférica não é caracterizada pela nitidez, mas sim pela capacidade de perceber o movimento ao redor. Embora seja uma visão menos detalhada, é crucial para observar objetos ao nosso redor enquanto focalizamos nossa atenção à frente.

A importância da visão periférica não se limita apenas à locomoção a pé, mas é especialmente vital durante a condução noturna. Esses aspectos da visão são avaliados no exame de vista do Detran, contribuindo para garantir a segurança no trânsito não apenas para o condutor, mas também para outros usuários da via, como motoristas, ciclistas e pedestres.

Quanto custa o exame de vista do Detran

É importante ressaltar que o custo do exame de vista do Detran pode variar conforme a região do país.

Portanto, é necessário acessar o site do Detran do estado e verificar a taxa aplicável.

Por exemplo, junto ao Detran Minas Gerais, o preço do exame de vista é de R$ 200,20; em São Paulo, a taxa é de R$ 91,11. No Rio de Janeiro, o custo do exame médico em 2024 é de R$ 42,00.

Como é o exame de vista do Detran

Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita

O exame de vista é conduzido por um profissional médico especializado em oftalmologia. Geralmente, é um procedimento rápido projetado para avaliar os requisitos básicos estipulados pelo Código de Trânsito Brasileiro para permitir que um indivíduo possa conduzir veículos.

Durante o exame, é provável que suas habilidades de distinção de cores e de foco visual (frequentemente testadas com a leitura de letras em um gráfico) sejam avaliadas. Isso é feito para garantir que você, como motorista, seja capaz de compreender os sinais de trânsito e enxergar veículos que estejam distantes.

Se for determinado que sua percepção do ambiente é suficientemente boa, você será considerado apto para aprovação no exame de vista.

Como passar no exame de vista do Detran

No exame de vista do DETRAN, a aprovação não requer uma visão perfeita, mas sim atende a critérios específicos de cada categoria. Para as categorias A e B, é necessário ter pelo menos 50% de visão central e uma visão periférica de 60º em ambos os olhos.

Alternativamente, se o candidato possuir pelo menos 66% de visão central e 120º de visão periférica no melhor olho, também pode ser aprovado.

Já para as categorias C, D e E, a visão central mínima exigida é de 66%, com uma visão periférica de 120º em ambos os olhos. Além disso, se a visão central do pior olho for de pelo menos 50% e houver 120º de visão periférica em ambos os olhos, o candidato também pode ser aprovado no exame de vista do DETRAN.

CategoriaVisão CentralVisão Periférica
A e B≥ 50%≥ 60º em ambos os olhos
A e B (alternativa)≥ 66% no melhor olho≥ 120º em ambos os olhos
C, D e E≥ 66%≥ 120º em ambos os olhos
C, D e E (alternativa)≥ 50% no pior olho≥ 120º em ambos os olhos

Uma excelente sugestão para preparar seus olhos é manter as luzes apagadas, o que estimula a visão noturna e a dilatação da pupila. Além disso, é benéfico realizar exercícios alternados entre os olhos.

Motorista, é importante lembrar de evitar o uso de lentes de contato nos dias que antecedem o exame. Durante o exame, concentre-se ao responder às perguntas do médico e seja honesto em todos os momentos. Também é útil praticar técnicas de respiração e relaxamento para manter a calma.

Caso você seja reprovado, poderá realizar o exame novamente por meio de um novo agendamento. A taxa nesses casos costuma ser um pouco menor.

Foi multado? Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!

Motivos de reprovação no teste de visão do Detran:

  1. Deficiência visual.
  2. Visão próxima aos limites estabelecidos pelo Detran.
  3. Erros de refração (Miopia, Hipermetropia, Astigmatismo e Presbiopia).
  4. Doenças oftalmológicas em geral.
  5. Grau das lentes de óculos ou contato incorreto.
  6. Acuidade visual central igual ou superior a 20/30.

Problemas de visão que interferem no exame de vista do Detran:

  1. Estrabismo: Exige visão central igual ou melhor que 66% no melhor olho e visão periférica igual ou superior a 120º em pelo menos um dos olhos.
  2. Daltonismo: Requer identificação correta das luzes do semáforo e atendimento às exigências de acuidade visual e visão periférica para cada categoria.
  3. Ceratocone: Dificulta a aprovação devido à fragilidade e finura da região central do olho.
  4. Glaucoma: Causa queda na acuidade visual, afetando a visão e complicando o exame de vista do Detran.
  5. Visão monocular: Não é aceita nas categorias C, D e E; na A e B, é necessária uma visão de pelo menos 66% no melhor olho e percepção luminosa no outro.

Onde realizar o exame?

Para realizar o exame de vista do DETRAN, é necessário agendar através dos portais oficiais da instituição. Uma vez agendado, você poderá comparecer ao consultório credenciado designado para avaliar sua visão central e periférica de acordo com as normas de trânsito brasileiras.

O médico oftalmologista encarregado tem a responsabilidade de assegurar que você possua uma visão adequada para identificar pedestres, placas de trânsito e eventos que possam ocorrer nas ruas ou rodovias.

Embora seja o motorista quem arque com os custos, o exame de vista do DETRAN não pode ser realizado de forma totalmente privada. É necessário consultar o site da instituição para localizar o oftalmologista credenciado mais próximo. Qualquer documento emitido por um profissional não reconhecido pode ser recusado.

A lei de trânsito mudou e a sua CNH pode estar em risco! Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!