Como Trocar o Pneu do Carro?

A lei de trânsito mudou e a sua CNH pode estar em risco! Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!

Um pneu furado é um imprevisto daqueles terríveis que pode arruinar o dia de alguém, principalmente se a pessoa não souber trocar um pneu. Quando a pessoa tem em mente o que deve ser feito, esse problema já não é mais aquele bicho de sete cabeças!

Mesmo assim, muitos seguros de veículo oferecem esse serviço de troca de pneu gratuitamente. Entretanto, esperar até que o auxílio chegue pode nem sempre ser uma opção.

Imagine também ter que aceitar ajuda de desconhecidos, às vezes isso pode se tornar um problema. Fique até o final do post e aprenda em 7 passos como trocar um pneu furado!

A seguir elencamos os procedimentos básicos para trocar o pneu da maioria dos carros:

Como trocar o pneu furado do seu carro em 7 passos:

1- Pare o carro num local adequado e seguro

Caso consiga, pare o veículo em um local que não tenha um fluxo de trânsito, um estacionamento, acostamento ou similar. O ideal é que tenha alguma iluminação na área, pois você irá mexer em partes que exigem precisão. E lembre sempre de ligar o pisca-alerta!

Nem sempre estamos sozinhos nessa situação, se for esse o caso, peça para que os outros passageiros desçam e fiquem num local seguro, uma calçada, uma praça, etc.

“E quando não houver um lugar seguro para os passageiros ficarem?”

Peça então que todos permaneçam sentados dentro do veículo com o cinto de segurança afivelado. Afinal, outros carros podem acabar batendo também.

2 – Utilize sempre o triângulo para sinalizar a estrada atrás

O triângulo reflexivo é um item de extrema importância e obrigatório para se ter em todos os veículos. É a forma mais fácil e rápida de informar o tráfego sobre um acidente ou carro parado de maneira individual.

Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita

Deve-se lembrar que a distância a se colocar o triângulo tem a ver com a velocidade da rodovia. Quanto mais rápida for, maior a distância a ser colocado o triângulo, para dar tempo dos outros veículos reduzirem a velocidade e fazerem o devido desvio. O ideal costuma ser 30 metros do seu carro.

Nem sempre o carro está bem posicionado, pode acabar precisando parar em um ponto cego ou uma curva muito fechada. Você pode utilizar galhos e folhas secas (não muito grandes) para fazer uma espécie de sinalização e ajudar o triângulo.

3 – Pegue então os equipamentos: estepe, macaco e a chave de roda

Caso não tenha algum desses equipamentos, certifique-se de comprá-los e deixar no porta malas do seu veículo. Muitos já vem com esse equipamento.

Dependendo do tipo de veículo, pode precisar de equipamentos mais específicos. Um dos comuns é a pinça que remove o protetor de parafusos, chave para liberar os parafusos anti-furto e etc.

Por isso é muito importante ler corretamente o manual do seu veículo para saber quais equipamentos serão necessários no momento emergencial da troca de pneu furado.

4 – Os parafusos precisam ser afrouxados

Para trocar o pneu furado, não comece levantando o carro com o macaco. Antes de tudo, afrouxe um pouco os parafusos da roda. Uma técnica que pode ajudar a afrouxar eles, é a de encaixar a chave de roda e usar o peso do pé para fazer força. Mas não cometa o erro de pular! O parafuso não precisa de tanta força e você pode acabar caindo.

5 – Use o macaco para levantar o veículo

Foi multado? Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!

Em todas as rodas existe um ponto de fixação para se posicionar o macaco, encontre o correspondente ao pneu a ser trocado. Para facilitar: um triângulo na parte inferior do carro costuma indicar exatamente onde fica esse ponto. Mas caso tenha qualquer dúvida sobre seu veículo, procure no manual de instruções!

Lembre sempre de acionar o freio de mão quando for levantar o veículo. O pneu estará murcho, e por isso precisará ser levantado o suficiente para que a borracha desgrude do chão. Dessa forma você consegue criar espaço o suficiente para o estepe entrar.

Após levantar, leve o estepe para baixo da carroceria, do lado do macaco.Dessa forma você consegue proteger o carro e a você caso o macaco se solte de alguma forma, afinal, acidentes acontecem.

6 – Solte completamente os parafusos e coloque o novo pneu

Solte os parafusos por completo dessa vez, mas coloque-os em um local protegido onde não irá perdê-los. Retire o pneu furado e coloque do lado de onde está o estepe, para que ele passe a ser a proteção caso o macaco se solte.

O pneu em si parecerá mais pesado, pois está com mais ar que o furado. Alguns carros possuem equipamentos próprios que ajudam o pneu a ser encaixado, mas se não for essa a situação, é possível utilizar um pino guia temporário que ajudará a formar uma base durante a colocação.

7 – Aperte bem os parafusos

O primeiro aperto das porcas deve ser feito com a mão, permitindo assim que se encontre uma certa firmeza. Em seguida, use a chave adequada para apertar os parafusos, começando sempre pelo de cima para manter a firmeza. Aperte as porcas em formato de cruz para garantir que nada seja empenado. A pressão das porcas deve ser igual, pois o metal pode acabar se entortando se houver essa falta de cuidado.

A lei de trânsito mudou e a sua CNH pode estar em risco! Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!