Quanto Custa Transferir Uma Moto

O custo para transferir uma moto pode variar conforme o Detran. No estado de SP, a taxa é de R$ 246,17 em vigor neste ano de 2022.

Leia mais

Caso seja necessário o acréscimo de documentos a serem atualizados, como por exemplo o licenciamento, o valor pode aumentar para mais R$ 144,86, totalizando R$ 391,03.

Leia mais

Se a placa da moto estiver avariada ou ilegível, um novo emplacamento pode ser compulsório, elevando ainda mais o valor para transferência.

Leia mais

https://www.youtube.com/watch?v=kBuYyuTMD9o

Leia mais

Transferência de moto online

A partir de janeiro de 2021, o Contran passou a autorizar a transferência de veículos de forma digital, o que abrange também as motos.

Leia mais

É preciso, porém, que a CDT (Carteira Digital de Trânsito), o CRLV e o CRV-e estejam operantes.

Leia mais

Com isso, o procedimento de transferência de veículos passou a ser majoritariamente online e não implica no comparecimento dos condutores diversas vezes ao Detran.

Leia mais

A vistoria passa a ser a única etapa em que a presença é necessária, mas a finalização do processo se dá totalmente online.

Leia mais

Como fazer a transferência de moto passo a passo

Para efetuar o procedimento de transferência da sua moto, é preciso compreender que o Detran impõe algumas condições que serão conhecidas agora:

Leia mais
  • Restrições administrativas ou judiciais não podem constar, portanto, faça uma consulta previamente para não perder tempo.
  • A moto precisa ser registrada no município onde reside o comprador.
  • Devem estar quitadas as taxas de licenciamento. Caso não estejam, serão adicionadas ao custo da transferência.
  • Certifique-se de que multas, IPVA e DPVAT estejam devidamente pagos.
Leia mais

Se você se enquadra nos requisitos acima, pode pleitear o processo de transferência. Para isso, apresente o CRV do comprador e vendedor com firma reconhecida.

Leia mais

A comunicação de venda é opcional, mas facilita o trâmite para o vendedor, principalmente se o comprador levar alguma multa de trânsito.

Leia mais

Preencha o CRV juntamente com o formulário para transferência no site do Detran concernente ao estado. Em seguida, imprima o DAE (Documento de Arrecadação Estadual) para quitar a taxa de transferência da moto.

Leia mais

Ao pagar todas as taxas, será necessário realizar a vistoria que pode ser realizada tanto por empresas licenciadas e despachantes, como também diretamente no Detran.

Leia mais

Junte toda a documentação e entregue ao Detran. O processo pode ser acompanhado diretamente no site e estando tudo dentro da conformidade exigida, o comprador irá retirar o CRV e CRLV atualizados.

Leia mais

A sua moto tem multas?

Se durante o processo de transferência você soube que foi multado, pode recorrer e cancelar tanto a multa quanto os pontos na CNH, por isso é muito importante realizar uma consulta pelo menos dois meses antes de vender sua moto.

Leia mais

Caso queira uma análise gratuita do seu caso, pode nos enviar a notificação da multa que faremos um estudo a fim de determinar as chances de sucesso.

Leia mais

https://www.youtube.com/watch?v=EALoLZxsjxU&t=1s

Leia mais

Quem deve pagar a transferência da moto?

Esta é uma questão levantada de forma muito recorrente pelos condutores. Usualmente o pagamento é realizado pelo comprador do veículo, seja seminovo ou usado, mas não é algo tido como regra definida e muito menos obrigatória.

Leia mais

Procure combinar com a outra parte antes de fechar o negócio para que não tudo seja tratado de forma mais transparente possível.

Leia mais

Emplacamento e licenciamento também são itens a serem discutidos e normalmente também são pagos pelo comprador.

Leia mais

Tudo deverá ser colocado às claras na negociação.

Leia mais

Cuidado com a multa por não realizar a transferência

O CTB determina que após a realização da transferência do veículo seminovo, seja emitido um novo CRV para registro em até 30 dias corridos.

Leia mais

Desta maneira o Detran é informado e passa a estar ciente que, a partir daquela determinada data, o veículo é de propriedade de um novo condutor.

Leia mais

Assim sendo, todas as multas a partir dessa data devem ser de responsabilidade do novo dono que arcará com esses custos.

Leia mais

Caso você não realize esse procedimento dentro do prazo determinado, será multado em R$ 195,23 a serem pagos por ambas as partes, tanto vendedor quanto o comprador.

Leia mais

O novo proprietário também terá cinco pontos na sua CNH referente à esta infração grave.

Leia mais

Conclusão

As motos são a paixão de consumo de milhões de brasileiros, por diversos motivos.

Leia mais

A possibilidade de se deslocar de forma mais ágil, evitando engarrafamentos, o sentimento de liberdade, a economia, a praticidade e o estilo de vida são grandes razões para sonhar com uma moto.

Leia mais

O Brasil passa por um momento de superaquecimento no mercado de motos usadas, mas é preciso conhecer todos os processos para que o sonho não se torne um pesadelo.

Leia mais

Gostou deste story?

Aproveite para compartilhar clicando no botão acima!

Esta página foi gerada pelo plugin

Visite nosso site e veja todos os outros artigos disponíveis!

Doutor Multas