Moto Que Não Precisa Passar Marcha É Boa?

A lei de trânsito mudou e a sua CNH pode estar em risco! Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!

Muitas vezes, utilizar uma motocicleta para se locomover é a melhor escolha. Isso porque, na maioria dos modelos, o gasto de combustível é inferior ao de um carro, por exemplo. Além disso, a praticidade de ter um veículo menor faz com que essa seja uma opção interessante. Para aqueles condutores recém habilitados que ainda não estão tão confiantes para pilotar, a moto que não precisa passar marcha pode ser uma boa opção. Neste artigo, você vai entender mais sobre esse modelo de moto que não precisa passar marcha. Leia o artigo até o final para entender!

introducao 4

Você sabe como funciona o sistema de marchas em uma motocicleta? Para os condutores recém ingressantes no universo das motos, essa resposta não é tão simples.

Mas, vamos entender ao longo da leitura deste texto, como esse processo é importante para o bom funcionamento da moto.

Porém, o foco do artigo será explicar como é possível ter uma moto que não precisa passar marcha. Você também vai ver como esses modelos vêm ganhando popularidade e estão sendo encontrados no mercado de motocicletas em maior volume.

Com a rotina apertada da população, e a necessidade de se locomover em grandes distâncias dentro das cidades brasileiras, a moto que não precisa passar marcha tem se mostrado uma escolha bem interessante para quem não tem familiaridade com o veículo convencional.

Além do assunto da moto que não precisa passar marcha, você verá por aqui:

  • Como funciona o sistema de marchas em uma moto?
  • O que é a moto que não precisa passar marcha?
  • Qual o preço da moto que não precisa passar marcha?
  • Dicas importantes para quem pensa em comprar uma moto que não precisa passar marcha!
  • Como pilotar uma moto que não precisa passar marcha com segurança?

Em algum destes assuntos citados acima, você certamente encontrará alguma informação relevante para você.

Por isso, peço que leia atentamente este artigo até o final e entenda como realmente funciona a moto que não precisa passar marcha.

Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita

Além disso, caso a resposta que você está procurando não esteja, necessariamente, dentro deste artigo, não se preocupe.

No final da leitura, você encontrará uma seção reservada para os comentários no artigo. Lá você poderá fazer o seu questionamento, levantar algum debate, ou deixar a sua sugestão de assunto.

E se o artigo for útil para você de alguma maneira, compartilhe com outros motoristas também. Afinal, mais pessoas podem querer saber como funciona, de fato, a moto que não precisa passar marcha.

Boa leitura!

Como Funcionam as Marchas da Moto?

como funcionam marchas
Antes de conhecer a moto que não precisa passar marcha, o condutor precisa entender a função desse sistema.

Bem, se você já pilotou um veículo alguma vez na vida, sabe que o sistema de transmissão é necessário para determinar as marchas e, por consequência, o deslocamento do mesmo.

Nas motos, o sistema de transmissão costuma se configurar por 4 a 6 marchas.

A troca da marcha de uma motocicleta se dá pelo pedal ao lado esquerdo do piloto. O funcionamento é bem simples:

  • movimentando o pedal para cima, a marcha sobe; e
  • movimentando o pedal para baixo, a marcha diminui.

Lembrando, é claro, que a embreagem fica na alavanca localizada à esquerda. E a manopla da direita é onde está localizado o acelerador do veículo, assim como o botão de partida do veículo.

As marchas têm a função de determinar a velocidade que o veículo irá se deslocar pela via.

Foi multado? Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!

Arrancando sempre na primeira marcha, o piloto deverá aumentar ou diminuir as marchas da moto de acordo com a necessidade do motor.

Mas você deve estar se perguntando como essa função é feita em uma moto que não precisa passar marcha?

Bem, nela o método é um pouco diferente do convencional. E explicarei para você na próxima seção do artigo.

Lembre-se de anotar qualquer dúvida que tenha surgido até aqui. Estarei à disposição na seção de comentários para responder todos os seus questionamentos!

Entenda Como Funciona a Moto Que Não Precisa Passar Marcha?

Como já deve parecer para você, o processo de transmissão em uma moto que não precisa passar marcha é feito de maneira automática, a partir de um funcionamento específico desses modelos.

No mercado atual, existem dois tipos de câmbio automático bem conhecidos. Ambos contam com particularidades que determinam a troca da marcha.

O primeiro é conhecido como DCT (Dual Clutch Transmission).

Esse modelo conta com uma dupla embreagem em seis marchas distintas. As duas embreagens estão para suprir as marchas ímpares e pares.

Ou seja, uma embreagem é responsável pelas marchas 1,3 e 5 e a outra embreagem é responsável pelas marchas 2, 4 e 6.

Enquanto uma está “engatada”, a outra fica pronta à espera do condutor. Facilitando muito o processo de troca, aceleração e desaceleração do veículo. Evitando, também, solavancos em sua moto.

O outro tipo de câmbio automático conhecido nos modelos comercializados é o CVT (Continuous Variable Transmission).

Esse modelo é encontrado apenas nos modelos que exigem uma menor potência do motor. Ou seja, os veículos com uma cilindrada menor.

Para que o condutor pare o veículo, basta colocar ele em “ponto-morto”.

Mas você pode estar se perguntando quanto custa um modelo de moto que não precisa passar marcha, estou certo?

Afinal, você já entendeu como essas motos funcionam e pode estar interessado em adquirir uma.

Vou trazer alguns preços e modelos facilmente encontrados no mercado para que você tenha uma noção melhor de valores que são cobrados nessas motos.

Acompanhe a próxima seção para saber quais são essas motocicletas.

Além disso, lembre-se de compartilhar o vídeo com outras pessoas. Se você conhece alguém interessado em comprar uma moto que não precisa passar marcha, esse artigo pode ser útil para ele também.

Qual o Preço da Moto Que Não Precisa Passar Marcha?

preco da moto
Você sabe qual o valor da moto que não precisa passar marcha?

É claro que em tempos de crise econômica procuramos descontos e preços acessíveis em todos os produtos.

Dessa forma, com o meio de transporte o funcionamento também é o mesmo.

Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita
Banner Consulta Grauita

Quem está em busca de uma moto para o dia a dia, normalmente está interessado em pagar menos do que uma moto normal ou até mesmo um carro.

Sendo assim, é natural que o condutor procure por preços ainda mais acessíveis no mercado de motos de baixa cilindrada.

Os modelos automáticos, por exemplo, costumam variar um pouco de preço de acordo com a marca, motor e outras funções da motocicleta.

Em média, os valores giram na casa de R $8 a R $15 mil reais.

Já os modelos mais potentes podem chegar a valores mais expressivos, na casa dos $ 60, $70 e até $80 mil reais.

Na sequência do texto, elenquei alguns modelos com as características de moto que não precisam passar marcha com um valor dentro da média de preços que acabei de destacar para você.

Biz 125 (Honda)

A Honda Biz 125 é uma das motos mais vendidas em todo o país.

Por seu preço competitivo e a alta economia de combustível que o modelo oferece, é uma das motos que mais fazem sucesso. Esse modelo, contudo, é semiautomático.

Essa é uma pedida excelente para você utilizar no dia a dia das grandes cidades e metrópoles, visto que é uma moto com um acabamento mais robusto e com boa capacidade para aguentar ruas com buracos e aclives.

Faixa de preço: $ 9 a $ 10 mil reais.

Neo 125 (Yamaha)

Esse modelo da Yamaha conta com o câmbio CVT (Continuous Variable Transmission) que abordamos no começo do artigo.

Outro ponto interessante deste modelo é o conforto oferecido ao piloto. Algo a se levar em consideração quando tratamos de tempo em que o condutor passará em cima da motocicleta.

A moto ainda tem farol de Led e freios de modelo UBS.

Faixa de preço: $ 10 a $ 11 mil reais.

AK 550i (Kymco)

Aqui neste modelo da Kymco temos outro câmbio modelo Continuous Variable Transmission (CVT).

Esse modelo pode ser recomendado para pilotos com uma experiência um pouco maior em motocicletas menores.

Apesar de ainda ser considerada uma scooter, a motocicleta conta com mais performance e robustez para aguentar estradas e o dia a dia no trânsito.

Uma escolha interessante para quem precisa unir mais força para transporte em seu cotidiano. Porém, o valor encontrado aqui é bem superior aos demais modelos.

Faixa de preço: $ 60 a $ 65 mil reais.

Esses são apenas alguns modelos que vem ganhando popularidade nas estradas e rodovias brasileiras.

Existem outros tipos de motocicletas automáticas, com mais e menos potência em seus motores, disponíveis aos pilotos interessados neste tipo de veículo.

Porém, antes de adquirir um modelo desejado, é importante o condutor entender mais sobre o funcionamento destas motos e ficar preparado para eventuais prejuízos e manutenções.

Além, é claro, de saber zelar por sua segurança e a dos demais usuários das vias.

Por isso, convido você a acompanhar a próxima seção para saber como o condutor pode pilotar uma moto que não precisa passar a marcha com mais cuidado.

Como Pilotar Moto Que Não Precisa Passar Marcha Com Cuidado?

como pilotar
Motociclista precisa ter alguns cuidados com a moto que não precisa passar marcha

Você certamente já ouviu a frase “segurança em primeiro lugar”, estou certo?

Bem, essa máxima é sempre verdadeira. Antes de mais nada, o condutor deve procurar pilotar a sua moto com muita segurança, evitando qualquer acidente ou impacto.

Essa atitude preserva a vida de todos no trânsito e evita com que você tenha prejuízos em sua motocicleta também.

Pensando nisso, preparei algumas dicas para ajudar você nesse processo de dirigir a moto que não precisa passar marcha em segurança.

Pratique além das aulas

Ao terminar o processo de habilitação, muitos recém-habilitados acabam não pilotando seu veículo com grande frequência.

Isso faz com que o condutor perca a prática que teve durante as aulas da autoescola.

A dica aqui é procurar por um local com baixa circulação de veículos em sua cidade e praticar a pilotagem.

Isso faz com que sua confiança em conduzir a motocicleta aumente e você fica mais preparado para pilotar nas estradas e rodovias com maior circulação de veículos.

Mantenha a atenção sempre

Ficar atento à estrada, em qualquer hipótese, é tarefa primordial para todo motorista.

Quando estamos falando de pilotos iniciantes em uma moto que não precisa passar marcha, essa tarefa se torna ainda mais importante. Isso porque o condutor pode não ter a devida experiência com a motocicleta, e qualquer descuido pode gerar um acidente.

Pilote dentro dos limites estabelecidos

Essa dica pode ser um pouco mais abrangente.

Primeiramente, o condutor deve pilotar dentro dos limites que conhece do veículo e de si mesmo como piloto. Principalmente, se você ainda não tiver experiência com uma moto que não precisa passar marcha.

Por isso, é de suma importância saber o que pode e o que não pode fazer em cima de sua motocicleta.

Mas, além disso, todo piloto deve respeitar os limites estabelecidos pelas vias de trânsito, pré-determinados pela lei.

Como você deve saber, o Código de Trânsito Brasileiro conta com uma série de definições estabelecidas para que sejam cumpridas por todos condutores.

Alguns destes limites, como os de velocidades, são constantemente desrespeitados por condutores.

Desrespeitar essas medidas pode levar os motoristas a serem multados de acordo com a lei.

Mas, antes de sair desse artigo sobre moto que não precisa passar marcha, que tal conhecer algumas dicas para manter em dia a sua motocicleta? Fique atento à próxima seção do artigo!

E não esqueça: o seu compartilhamento pode ajudar outras pessoas interessadas em moto que não precisa passar marcha.

Moto Que Não Precisa Passar Marcha: Dicas Importantes!

Comprar uma moto ou qualquer outro veículo é uma tarefa que exige muitas atribuições.

Nos dias de crise, fazer uma aquisição de alto valor é sempre uma decisão que pesa muito no bolso de qualquer pessoa.

Por conta disso, é fundamental que o motorista saiba proteger o seu bem, no caso a motocicleta, assim que a compra.

Para isso, o motorista deve fazer as devidas manutenções em sua motocicleta.

O condutor poderá fazer 3 tipos de manutenções em seu veículo:

  • Manutenção preventiva;
  • Manutenção preditiva;
  • Manutenção corretiva;

A manutenção preventiva, como o próprio nome diz, previne que a motocicleta tenha um problema mecânico.

Além disso, durante essa manutenção é possível encontrar possíveis falhas no veículo que possam prejudicá-lo a longo prazo. Também é importante que essa manutenção seja feita de maneira periódica.

Já a manutenção preditiva, é utilizada para predizer o tempo de vida útil de algumas peças ou componentes de um veículo.

A própria manutenção preditiva, ajuda que o motorista evite outras manutenções ou troca de peças.

Por fim, a manutenção corretiva, a mais indesejada de qualquer outra por todos os donos de motocicleta.

Isso porque essa manutenção serve para corrigir alguma falha imediata ou pane que tenha ocorrido na motocicleta.

Essa manutenção normalmente é necessária quando o condutor deixa de dar as outras devidas manutenções em sua motocicleta.

Além de dar as devidas manutenções em sua moto para que ela não deixe você na mão quando mais precisa, essa atitude evita multas de trânsito.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, o art. 230 XVIII, conduzir o veículo em mau estado de conservação configura uma infração de trânsito.

O artigo ainda cita veículos que estejam comprometendo a segurança, ou reprovado na inspeção de segurança ou por emissão de poluentes ou ruído (estabelecidos pelo CONTRAN e pelo CONAMA.

A multa é de natureza grave e tem como medida administrativa retenção do veículo para que seja sanada a irregularidade.

Essa infração representa 5 pontos na CNH do motorista e o valor da multa é de R$ 195,23.

Portanto, o motorista que não der as devidas manutenções em sua motocicleta podem acabar prejudicados neste sentido também.

É claro que a Constituição Federal permite que o condutor recorra da multa. Mas, evitar a multa dando a devida manutenção a sua moto que não precisa passar marcha é a melhor opção.

Conclusão

conclusao 7
Moto que não precisa passar marcha pode ser uma boa opção para os novos motociclistas!

Tenho certeza que esse artigo pode ter ajudado você a entender mais sobre a moto que não precisa passar marcha.

Mais do que apenas isso, você entendeu como funcionam as marchas em uma moto e como uma moto que não precisa passar marcha funciona de maneira um pouco distinta.

Como abordamos aqui, existem dois tipos bem conhecidos de câmbio automático em motos, o DCT (Dual Clutch Transmission) e o CVT (Continuous Variable Transmission).

Existem diversas opções no mercado para o motorista comprar uma moto que não precisa passar marcha.

Os valores podem variar bastante, dependendo principalmente do modelo da moto e seus acessórios e potência do motor.

Mas não esqueça: treine bastante antes de conduzir uma moto que não precisa passar marcha, principalmente se você não tem experiência em conduzir essas motos.

Também é fundamental fazer as devidas manutenções em sua moto para evitar todo problema que possa aparecer em sua motocicleta.

Lembre-se que é importante que você conduza o seu veículo com as devidas condições par não ser multado por conduzir o veículo em mau estado de conservação.

É possível que o motorista recorra da multa recebida, mas é muito importante que evite isso dando a devida manutenção da moto.

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe a sua pergunta aqui para que eu possa ajudar você.

E se o artigo ajudou você de alguma forma, compartilhe com outros motoristas. Ainda mais pessoas podem conhecer mais sobre moto que não precisa passar marcha.

Referências

https://www.carrodegaragem.com/moto-que-nao-tem-marcha-como-escolher/

https://mobilidade.estadao.com.br/meios-de-transporte/motocicletas-sem-embreagem-sao-opcao-para-iniciantes/

https://www.smartia.com.br/blog/como-dirigir-moto-guia-para-iniciantes/

https://pt.wikihow.com/Trocar-as-Marchas-Numa-Moto

https://sulcarro.com.br/melhores-motos-automaticas

https://www.motonline.com.br/noticia/motos-que-nao-tem-embreagem/

https://www.honda.com.br/motos/blog/10-dicas-de-como-pilotar-uma-moto-para-iniciantes

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9503.htm

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm

A lei de trânsito mudou e a sua CNH pode estar em risco! Você tem uma multa e quer evitar a perda da habilitação? Clique aqui e faça uma consulta gratuita com o Doutor Multas!