Infração 725-00

A legislação de trânsito brasileira é bastante detalhada e específica, e um dos aspectos que ela aborda é a necessidade de manter a luz baixa acesa em veículos de transporte coletivo durante o dia enquanto estiverem em movimento em faixas ou pistas a eles destinadas. Esta infração está tipificada no artigo 250, inciso I, alínea c, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e é enquadrada sob o código 72500.

Leia mais

De acordo com a lei, a infração é de gravidade média, o que implica em uma multa e quatro pontos na carteira do infrator. Além disso, a infração pode ser constatada sem a necessidade de abordagem do veículo.

Leia mais

A competência para fiscalizar e aplicar a penalidade é do órgão ou entidade de trânsito municipal e rodoviário. Importante salientar que esta infração não configura crime de trânsito, ou seja, não há previsão de penalidade criminal para o infrator.

Leia mais

Exemplos de Como a Infração 725-00 Ocorre

Para ilustrar como essa infração ocorre na prática, imagine a seguinte situação: Um ônibus está circulando pela faixa destinada a ele durante o dia, mas o motorista esqueceu de acender o farol baixo. Neste caso, o motorista estará cometendo a infração prevista no artigo 250, inciso I, alínea c, do CTB.

Leia mais

Como Recorrer da Infração

Se você foi autuado por essa infração e acredita que houve algum equívoco, é possível recorrer. Para isso, é importante apresentar argumentos técnicos e circunstanciais que possam comprovar a sua inocência. Por exemplo, se o dia estava bastante claro e a visibilidade era boa, você pode argumentar que a luz baixa não era necessária. Além disso, se o veículo possui luz diurna de LED, que acende automaticamente quando o veículo é ligado, pode ser argumentado que a luz baixa não era obrigatória.

Leia mais

Lembre-se, é sempre recomendável buscar a orientação de um profissional especializado em legislação de trânsito para auxiliar no processo de defesa.

Leia mais

Gostou deste story?

Aproveite para compartilhar clicando no botão acima!

Esta página foi gerada pelo plugin

Visite nosso site e veja todos os outros artigos disponíveis!

Doutor Multas