Nova CNH Com Chip Deve ser Implantada até Janeiro de 2022

Leia mais

Em breve, sua Carteira de Habilitação Nacional (CNH) vai deixar de ser um documento em papel e passará a ser quase como o seu cartão de crédito.

Leia mais

A Resolução é do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que indicou, aos Departamentos de Trânsito (DETRAN), como data limite para se adaptarem ao novo modelo, o dia 1° de janeiro de 2019.

Leia mais

De plástico, do tipo policarbonato, o Contran propõe que a CNH seja mais durável e segura.  Para isto, o novo formato terá chip e gravação a laser das informações do motorista.

Leia mais

Segundo comunicado do Ministério das cidades, a nova CNH foi desenvolvida com apoio da Universidade de Brasília (UNB), que elaborou um estudo recomendando a alteração e sugerindo o uso de cartão inteligente.

Leia mais

Ainda segundo o ministério, a mudança possui como objetivo reduzir as chances de fraudes, já que o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) terá o controle das chaves de acesso e aos dados do chip.

Leia mais

Futuramente, por meio de convênios, o Denatran pretende que entidades públicas ou privadas utilizem pastas ou aplicações específicas sem correr o risco de leitura ou gravação indevida de dados dos motoristas.

Leia mais

A intenção é transformar sua CNH em um documento mais universal, possibilitando que, no futuro, ela seja também utilizada, por exemplo, para o pagamento de pedágios ou transporte de ônibus e metrô, controle de acesso a prédios públicos e identificação biométrica.

Leia mais

Para o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, a mudança permite maior segurança e integração com outros países, pois a medida busca modernizar e inovar o documento, como já acontece em outras nações.

Leia mais

Caso a sua CNH esteja dentro da validade até janeiro de 2019, não é preciso fazer a troca, ela será realizada assim que você precisar renovar o documento.

Leia mais

Sobre os valores, ainda serão definidos pelos DETRAN de cada Estado e do Distrito Federal.

Leia mais

Mudanças já ocorrem desde o início do ano

Essa nova medida é mais uma das recentes modificações que a CNH brasileira passou nos últimos meses.

Leia mais

Em janeiro, como você deve lembrar, o documento ganhou novo visual e mais itens de segurança.

Leia mais

Apresentada com novas cores e itens para dificultar a falsificação, o modelo apresentado atendia à nova Resolução 598 do Contran  e foi a primeira das modificações apresentadas.

Leia mais

Em maio, a CNH recebeu um sistema de código que permitia ser lido por câmeras de celular, o QR Code.

Leia mais

A medida atendia à Resolução N° 650/2017, na qual consta que a CNH deveria, a partir de fevereiro de 2018, possuir códigos de barras bidimensionais, gerados a partir de algoritmo específico, de propriedade do Denatran, armazenando todas as informações contidas no documento.

Leia mais

Estas mudanças permitem, portanto, que o agente de trânsito ou qualquer pessoa, ao fazer a leitura do código, tenha acesso aos dados do motorista, além daqueles apresentados pelo documento de papel.

Leia mais

Isto irá ajudar em caso de falsificações em que a foto, por exemplo, for modificada na CNH.

Leia mais

Ao conferir por meio do código, o agente identificará a fraude via dados do DENATRAN.

Leia mais

Já no mês de outubro, a novidade lançada foi a CNH-e.

Leia mais

Regulamentada pela Portaria N° 184/2017, ela é uma versão digital do documento de habilitação. Sem apresentar diferenças da versão de papel, a CNH-e é emitida por aplicativos e smartphones.

Leia mais

Conclusão

Leia mais

Fique atento! Os órgãos de trânsito, a cada mudança, reforçam que as novidades estão sendo apenas na aparência da CNH e em seu nível de segurança.

Leia mais

Os procedimentos que todos devem seguir para obtenção da habilitação continuam os mesmos.

Leia mais

Portanto, é importante que você continue a ter cuidado ao dirigir, estando sempre atento às infrações e aos números de pontos em sua carteira.

Leia mais

O que você está achando dessas medidas? Acredita que estão de fato coibindo as falsificações? Compartilhe aqui nos comentários sua opinião!

Leia mais

Referências:

Leia mais
  1. https://infraestrutura.gov.br/images/Resolucoes/Resolucao59820162.pdf
  2. https://infraestrutura.gov.br/images/Resolucoes/Resolucao6502016.pdf
  3. http://www.denatran.gov.br/images/Portarias/2017/Portaria1842017.pdf
Leia mais

Gostou deste story?

Aproveite para compartilhar clicando no botão acima!

Esta página foi gerada pelo plugin

Visite nosso site e veja todos os outros artigos disponíveis!

Doutor Multas